A VERDADE NÃO SERIA BASTANTE PLAUSÍVEL SE FOSSE FICÇÃO - Richard Bach
Mostrando postagens com marcador Teleco. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Teleco. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 9 de setembro de 2014

Teleco no Velo Città

Beth e Teleco

Guilherme, eu, Arturo e Teleco.

Autografando a camiseta do Guilherme, atrás o Arturão.
No canto Paulo Solariz depois Águia, Alfredo Gehre, Paulo Gomes, Teleco e eu. 
O Águia não para!
Entregando um troféu...
e o encontro emocionante com o amigo de tanto tempo Dinho Leme. 

Arturão, Teleco e eu.

Cerca de quinze dias atrás liga o Guilherme Decanini perguntando se vou aos 500 KM no Velo Città a bela pista da Mitsubishi em Mogi Guaçu e pede para que eu convide o Teleco, não dou certeza de ir mas logo ligo para Beth e Teleco fazendo o convite, que com todo o entusiasmo da Beth foi logo aceito.
Quinta passada não estava muito animado quando liga o Arturo e diz “você vai sim, passo aí no sábado!”, é o campeão é assim mesmo!
Sábado umas 8 horas ele chega e tomamos nosso rumo, na saída uma pancada numa lombada e nem paramos para olhar, chegando em Itatiba acende a luz de óleo e vemos que o cárter do Audi está rachado...bem em frente ao posto em que paramos uma locadora, deixamos lá o carro que ele trata com tanto carinho e pegamos o Fiatzinho alugado e vamos embora...viajar com o Arturo é pandego, vamos rindo o tempo todo.
Chegamos no Velo Città e começamos à encontrar os amigos, citar um por um fica difícil, a cada encontro um abraço uma nova emoção e lá estava o Guilherme e Italo Adami com a réplica do VW D3 #90 que foi tocado com tanta competência pelo Teleco quarenta anos atrás.
A Beth e o Teleco chegariam apenas no domingo, ficamos por lá conversando com todos e assistindo os treinos dos Clássicos de Competição e das feras que iriam correr os 500 KM quando o Alfredo Gehre  vem nos avisar que numa gostosa homenagem à nós, os velhinhos, iríamos dar algumas voltas antes da largada dos 500 KM...deste momento em diante ninguém mais segurava o Arturão...enquanto procurávamos um carro em que eu pudesse pelo menos entrar ele já falava que ia sentar a bota, passar todo mundo e coisa e tal...ninguém agüenta!
No domingo andamos, eu no Passat do José Eduardo Zambello da Clássicos o Arturo num VW da mesma categoria, depois conto mais mas foi emocionante dividir a pista com Bird, Walter Hann, Denisio e outras feras...e a Beth e Teleco não chegavam.
Por volta do meio dia me avisam que o casal estava chegando, vou esperá-los na entrada do estacionamento pois por conta de dois AVCs o Teleco se locomove melhor com a cadeira de rodas, ao ver o #90 ele já começa a se emocionar...entramos nos boxes e logo encontramos o Arturo e aí a emoção se transforma em lágrimas...a felicidade do reencontro flui, chega o Guilherme que não conhecia o Teleco pessoalmente e a alegria do encontro está estampada em seu sorriso seus olhos brilham.
Vamos para o padock e aí a cada encontro mais emoção, mais amigos...mais mais mais...

Ao meus queridos Beth e Teleco com um beijão carinhoso e um abraço afetuoso de todos nós!

Rui Amaral Jr   

NT:Mais tarde mostro os 500 KM, Clássicos e as voltas que demos... quando derrepente vejo um VW descendo a reta feito um foguete e pilotando um certo senhor que me parecia o Arturo Fernandes passando por todos, freando no limite e dividindo curvas andando como sempre no limite, até numa simples brincadeira...seria o Turito? 

PS: Desculpem o texto um tanto confuso ele não retrata com exatidão o que foi esse encontro...foi muito mais. O texto foi apenas escrito com o coração.

Na foto do Rodrigo Ruiz o #90 na pista.
A largada dos "velhinhos".

quarta-feira, 30 de abril de 2014

Super Ve - Berço de campeões!

1975 Interlagos, tomada do "S" autentico, Norman Casari lidera Teleco-Luiz Antonio Siqueira Veiga- #90 da Gledson, Pimentinha no Polar branco, Benjamin "Biju" Rangel no Polar da PROMOSPORT, Fausto Dabbur e Janjão Freire. 
Tento arrancar algum depoimento maior do Biju, mas em todas nossas conversas falamos de tudo menos do tal depoimento, sei que qualquer hora ele vai nos contar tudo que viveu na categoria que foi berço de campeões e levou um de nossos pilotos ao tri da F.Um, campeão por uma equipe em que ele foi um dos pilotos.
Conta Biju!!!

Rui Amaral Jr 

domingo, 23 de fevereiro de 2014

Teleco 65

 Beth, Teleco e Fred.

Ontem em Itatiba revi depois de 10 anos meu amigo Teleco feliz da vida ao lado de sua super companheira a Beth foi bom demais!

Marcelo, irmão da Beth e a patroa Ana ao lado Beth e Teleco.
 Dudu, Marcelo, Ana, Fred, Teleco e Carlos.
Peguei o Fred contando para o Roberto, Dudu e Carlos...como passou o Jarier por fora na Druids Bend em Brands...humilde ele ficou sem jeito! Agora sério...o recorde de Brands para Formula 3, antes de passar a usar os motores 2 litros, ficou nas mãos de nosso querido amigo Teleco!  
O sorriso dele nos deixou ainda mais felizes!

domingo, 27 de janeiro de 2013

Divisão 3

 Ciro
O 4 portas com Pedro ao volante.

Três dias longe do blog, apenas deu tempo de postar os comentários sem responder, então agradeço à todos. Estive esses dias com o Julio Caio - Azevedo Marques - e logo teremos algumas novidades para contar. 
Estar com o Julio é certamente uma tarefa para profissionais, alguns dias, depois de reuniões as mais diversas, conversamos até 4h da manhã, o papo com ele flui, mil risadas e lembranças, já que somos amigos desde a longínqua década de 60 quando estudamos no Colégio Paes Leme, ele aprontava demais, eu nunca (rsrsrs)!
Chegando aqui vejo os comentário nas fotos do Rogério da Luz que postei, de meus amigos Joel, Juanh, Marco, Danilo, Francis, Fabiani, os dois últimos legítimos Alicatões da terra e por fim o Walter, que me obriga, diga-se de passagem com muito prazer a contar alguma coisa desta foto!
No site Imagens DALUZ as informações são poucas, mas acredito que seja uma corrida no final de 1971 ou em 1972, veja que o Opala do Pedro -Victor De Lamare- já é o coupe; neste exato momento toca o Skype e começo um longo papo com o Caranguejo, que vai escrever também um post, sobre o tema. Continuando, não tenho certeza absoluta, mas pelos carros acho mesmo que é nesta época, que corri com um VW D3 que comprei do Expedito Marazzi, infelizmente na foto não aparece o grid completo, então vamos identificar os carros.
Na primeira fila o #44 do grande Ciro Cayres, no centro o Pedro ao seu lado outro Opala #51 quase com certeza de Carlos Alberto Sgarbi, ou Luiz Celso Gianinni. Na segunda fila dos VW D3 o branco parece o de Jozil Garcia, o azul está em minha memória mas não consigo lembrar do nome do piloto.
Atrás o Opala da equipe De Lamare do Cacó - Carlos Quartim de Moraes - perto o VW #29 de Alfredo Guaraná, o FNM TIMB de José Pedro Chateaubriant e outros carros, inclusive um VW 4 portas.


 Pedro
Grande foto! O #90 do Teleco, no #29 de branco Guaraná conversa com Robertinho cabeludo e de bigodes, entre os carros também de bigodes, parecendo falar em um celular, Ítalo Adami.
Interessante, no box de camisa branca parece ser Jayme Silva.



Notem que alguns carros não calçam pneus slicks, pois era o começo da utilização desses pneus e não tenho certeza que o Ciro esteja com eles.
Os carros do Ciro eram de uma perfeição absoluta, tanto este como depois o coupe, segundo o Jr Lara os motores eram preparados nos EUA, ele mesmo tem um deles que usava nos barcos de corrida, e um canhão.
Os carros da equipe De Lamare, sempre muito bem preparados pelo competente Caito, usavam um esquema diferente. Sempre observei bem os carros da equipe pois em 1971 fiz cinco corridas nela. Seus motores tinham a origem de preparação de Orestes Berta, seus cabeçotes eram de fluxo cruzado, nos motores GM originais o coletor de admissão e escape eram do mesmo lado, no cabeçote Berta a admissão era por um lado e o escape por outro, permitindo uma mudança no ângulo das válvulas e uma melhor equalização de todo o sistema, usavam três Weber 48. O quatro portas usava um cambio Saenz argentino de quatro marchas, e assim como o coupe, seu conjunto de motor e cambio eram colocados mais para trás, acredito que entre eixos. Eram bem feitos demais tanto na mecânica quanto no chassi, um padrão como já descrevi acima do Caito e Pedro.
Sobre os VW D3, já mostrei muito por aqui, o #29 do bota Guaraná era super rápido e bem feito pelo Robertinho e o amigo Ítalo da Autozoom.
Já o FENEME do Zé Pedro acredito ser o único carro da D3 na classe B, carro bem feito. Lembro como se fosse hoje de um totó que ele deu em meu carro em pleno Retão em Interlagos, tinha passado por ele na entrada da Um, lá os VW eram mais rápidos e no meio da reta e ele com aquele motorzão ao me ultrapassar deu uma “ralada” em meu paralamas traseiro. Depois da corrida fui conversar com ele que sorrindo me disse algo como “era para dar uma incrementada na corrida!”. Grande cara o Zé Pedro.


Rui Amaral Jr  


O Opala do Pedro, aqui já com o Edson Yoshikuma, de óculos chapéu e fumando Miguel seu irmão.


  


segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Parabéns Teleco

 Parabéns Teleco amigo de tantos anos, tudo de bom para você fique com Deus.


Teleco
Quatro Rodas Digital edição Fevereiro de 1973.

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

UM POUCO DOS AMIGOS.

Hoje ia escrever sobre a decisão da FIA em não punir severamente a Ferrari no episodio Alonso/Massa, até telefonei a meu amigo Fernando Fagundes pedindo para incluir um comentário seu no texto, mas em vez de perder tempo com fatos que não serão mudados resolvi mostrar os amigos em belas fotos que recebi do Mike e mostrar um pouco de nosso automobilismo que está dando certo. Sei que alguns amigos meus criticam os carros bolha, mas as corridas da Copa Montana tem sido um grande sucesso com os pilotos brigando muito e mostrando na pista uma grande raça. Agradeço as fotos e o depoimento do Marcelo Tomasoni ao Paulo Valiengo.


Nosso amigo Teleco e o incrível VW D3 #90 da AUTOZOOM.
Wilson Fittipaldo no Rio, Stock Car 1982,  lá no fundo nosso amigo de tantas e tanto tempo Manduca, fazendo pose! 
O Mike em um belo sobresterço tocando seu Stock com garra.
Dado Andrade, Mike, Ingo Hoffman e Marcos Troncon.

Copa Chevrolet Montana

O belo carro do Marcelo.


Tomasoni pretendia andar entre os 10 primeiros em Interlagos, principalmente por ser paulistano e até esta última corrida, não tinha conseguido boas colocações na sua pista predileta. Todo piloto quer mostrar serviço na sua própria cidade, e as coisas, por um motivo ou por outro, acabavam não dando certo aqui em Interlagos.
Para esta etapa de Interlagos, Tomasoni intensificou os treinamentos físicos na academia SPFITCLUB, treinou toda semana com o shift kart que é extremamente rápido e que exige muito do piloto, e conversou muito com Carlão Alves, seu chefe de equipe, e traçaram uma nova estratégia para esta corrida.

Tomasoni contou como foi o desenrolar da prova em Interlagos:

"O carro estava muito bom o que facilitou bastante o meu trabalho. Em nenhum momento durante a corrida eu tive qualquer tipo de problema. Pelo contrário, os outros carros foram ficando instáveis e o meu ficava cada vez melhor de pilotar. Toda a minha equipe está de parabéns.
Para mim foi muito gratificante poder ultrapassar pilotos experientes e profissionais como o Rafael Daniel, Lucas Finger e Douglas Soares, principalmente aqui em Interlagos, que é um circuito seletivo e que todos eles conhecem muito bem.
Acho que encontrei o caminho e estou muito animado para a próxima corrida em Campo Grande, mas amanhã às sete, já estou indo para o escritório da Capital (CM Capital Markets), trabalhar",  Marcelo Tomasoni.

"Para uma equipe que está acostumada a andar na frente, o pódio do Galid (Galid Osman) e o sexto lugar do Tomasoni, obviamente nos deixaram muito satisfeitos.

"Foi a melhor colocação de Tomasoni na nossa equipe, e é preciso lembrar que esta é apenas a sua segunda temporada completa, numa categoria extremamente competitiva como a Copa Chevrolet Montana. Quando ele chegou na nossa equipe, era totalmente inexperiente, e hoje ele anda naturalmente entre os 10 primeiros. Foi uma enorme evolução. Carlos Alves.

Mais no blog do Paulo Valiengo :  http://paulovaliengocomunicacao.blogspot.com/2010/09/r-marcelo-tomasoni-cumpre-sua-meta-e.html





Resultado da corrida.

1) 6 Diogo Pachenki (Nascar Motorsport), 23 voltas, 40:38.772

2) 28 Galid Osman (Carlos Alves Comp.), 40:50.172

3) 9 Eduardo Leite (Hot Car Racing), 40:58.295

4) 26 Wellington Justino (Hot Car Racing), 40:58.662

5) 18 Rodrigo Navarro (M4t Motorsport), 40:59.505

6) 98 Marcelo Tomasoni (Carlos Alves Comp.), 41:02.232

7) 43 Cássio Homem de Mello (Petrópolis Motor.), 41:02.849

8) 22 Rafael Daniel (Scuderia 111), 41:05.607

9) 90 Thiago Riberi (W2 Racing), 41:12.928

10) 8 Douglas Soares (Gramacho Costa Comp.), 41:14.837

11) 11 Pedro Boesel (Petrópolis Motor.), 41:18.816

12) 21 Lucas Finger (A.M.G. Motorsports), 41:21.851

13) 14 Hybernon Cisne (Motortech Comp.), 41:27.266

14) 3 Denis Navarro (RC3 Bassani Racing), 41:29.662

15) 23 Marco Cozzi (Racequip Motor.), 41:31.859

16) 38 Thiago Penido (M4t Motorsport), 41:52.829

17) 32 Fernando Fortes (Racequip Motor.), 42:12.400

18) 75 Henrique Assunção (CKR Racing), 42:13.525

19) 46 Edson do Valle (J. Star Racing), 42:18.984 3

20) 88 Leandro Romera (RS Racing), 40:46.061 1 Lp.

21) 49 Marcelo Cesquim (Mottin Racing), 41:12.305 1 Lp.

22) 56 João Pretto (Mottin Racing), 41:38.472 1 Lp.

23) 2 João Paulo Mauro (Nascar Motorsport), 39:03.171 2 Lp.

24) 31 Ítalo Silveira RS Racing Montana 21 00:39:22.132 2 Lp.

25) 1 Cadú Pasetti (Gramacho Costa Comp.), 36:42.849 6 Lp. 4

26) 16 Carlos Kray CKR Racing), 31:18.451 7 Lp. 1 Lp. 1:47.235 8

27) 60 Sérgio Ramalho Bazzo Racing Montana 13 00:23:39.519 10 Lp.

28) 63 Marlon Watamabe (Max Power Racing), 22:23.510 12 Lp.

29) 48 Gustavo Sondermann (Star Race), 19:11.257 13 Lp.

30) 73 Sérgio Jimenez (Scuderia 111), 08:51.012 18 Lp

31) 7 Kau Machado (Max Power Racing), 39:06.453 19 Lp.












segunda-feira, 28 de junho de 2010

TALENTO NATURAL



Vendo a barbeiragem de Kovalainen ontem na Formula Um, lembrei de um termo que uso as vezes, Talento natural. Barbeiragem porque um piloto simplesmente não comete tal insanidade, frear muito antes do que seria natural, isso é coisa de barbeiro mesmo.
Hoje em dia o nível de pilotagem se nivelou por baixo, com 20/21 anos o piloto já tem dez ou doze anos de carreira, aí um Kovalainen da vida andando num Formula Um junto com um Lewis Hamilton toma apenas um segundo. Depois de doze anos o cara não é um piloto, apenas tem o cacoete de piloto, treinou por milhares de km, já fez inúmeras corridas em diversas categorias e anda apenas em cima de tudo que aprendeu, mas o talento natural inexiste.




Vejamos então o Teleco - Luiz Antonio Siqueira Veiga - começou a correr depois de mim no ano de 1972 quando fez Estreantes e Novatos brigando muito com Jr Lara Campos e vencendo o torneio. No ano de 1973 recém graduado correu na Divisão 3 com o carro da AUTOZOOM e em algumas provas da Divisão 4 e simplesmente se mandou para Inglaterra correr de Formula 3.





Estreante e Novatos, Jr Lara Campos, outro piloto talentoso e Teleco, batalham no "Sargento"


Lá em um March 733 do Tean Angeleri começou a enfrentar as feras da categoria, seu esquema apesar de contar com motores da Novamotor era bem mais modesto que a maioria dos pilotos os campeonatos ingleses, e não fez feio. Em sua ultima corrida no Forward Trust largou na pole, e podemos ver pelo resultado abaixo que muita gente boa estava na disputa como Tony Brise, Brian Henton, Barrie Maskel, Ian Taylor, Alex Dias Ribeiro e outros.



Para o ano de 1974 foi convidado pela March para ocupar o lugar de Jean Pierre Jarrier na equipe de fabrica. Jarrier iria para Formula 2 e o lugar na equipe era seu, mas não consegui patrocínio e voltou a correr no Brasil.



Escrevi sem consultar meu amigo Teleco, se há alguma correção a ser feita cabe a falha a minha memória, mas continuo afirmando Talento Natural é tudo.


B.A.R.C. Forward Trust British F3 Championship, Rd 14, 1973
Thruxton Circuit, Andover



 October 28 8 laps x 3790 m = 30.32 KM                                                                                                      Pole Position: "Teleco", 1'18.8" Fastest Lap: Richard Robarts, 1'19.0"

Pos Cla. # Driver, Nationality Entrant Car - Engine/Tuner Time, Laps Reason Out
1   10 Richard Robarts, GB Myson Racing March 733 - Ford/Novamotor 10'42.6"
2    9 "Teleco" (Luis Antonio Siqueira Veiga), BR Angeleri March Racing March 733 - Ford/Novamotor 10'44.0"
3    1 Ian Taylor, GB Chris Andrews March 733 - Ford/Holbay 10'44.6"
4   21 Tony Rouff, USA AB3 Racing Developments GRD 373 - Ford/Vegantune 10'52.0"
5   38 Barrie Maskell, GB Hesketh Racing Dastle Mk 10B - Ford/Holbay 11'02.2"
6   14 Matt Spitzley, USA Matt Spitzley March 713M/733 - Ford/Brown 11'02.6"
7    7 Nicholas von Preussen, GB P & M Racing Preparations March 733 - Ford/Vegantune 8
8   39 Derek Lawrence, GB Dr Joseph Ehrlich Ehrlich ES2 - Ford/Ehrlich 8
9   36 Val Musetti, GB Valentino Musetti Royale RP11 - Ford/Vegantune-Carlow
10 12 Glean Eagling, GB Team Modus Racing March 733 - Ford/Brown
11 15 José Espirito Santo, P José Espirito Santo March 733 - Ford
12 6 Allan Davies, GB Allan Davies March 733 - Ford
13 33 Andy MacGregor, GB Andy MacGregor Brabham BT35 - Ford
14 41 Fergus Tait, GB Competition Cars MRE P173 Mk 2 - Ford/Brown
15 DNS 4 Mike Wilds, GB Dempster International Racing Team March 733 - Ford/Holbay - Engine
16 DNS Alex Ribeiro, BR Angeleri March Racing March 733 - Ford/Holbay
17 DNA 2 Tony Brise, GB Team Kent Messenger Racing March 733 - Ford/Holbay
18 DNA 3 Masami Kuwashima, J Reystan Racing March 733 - Ford/Holbay
19 DNA 20 Brian Henton, GB Brian Henton GRD 373 - Ford/Holbay
20 DNA 22 John MacDonald, GB John MacDonald GRD 373 - Ford/Novamotor
21 DNA 24 Rod Smith, GB Rod Smith GRD 372 - Ford/Vegantune
22 DNA 28 - Team Ensign Ensign LNF3 - Ford
23 DNA 30 Mike Tyrrell, ANT Marc Gregory Property Development Ensign LNF3 - Ford/Vegantune


A temporada dos brasileiros na Formula 3 por Carlos de Paula
 http://brazilexporters.com/blog/index.php?blog=5&s=leonel+friedrich&sentence=AND&submit=Search 

Resultados Formula 2 Register

 http://www.formula2.net/F373_GB39.htm 


quinta-feira, 22 de abril de 2010

Parabens Teleco

No último ano tive o privilégio de trabalhar com a comunidade de desenvolvedores e grupos de usuários no Brasil. Durante este período tive a oportunidade de participar em diversos eventos de grupos, parceiros, universidades e associações, trocando idéias sobre tecnologia e desenvolvimento e ouvindo o feedbacks de vocês. Também tive a oportunidade de conhecer muitos de vocês, líderes de grupo, desenvolvedores em clientes e parceiros. Neste período de convivência aprendi bastante com esta troca de experiências. Tenho a oportunidade agora de seguir um novo caminho na minha carreira na Microsoft. Certamente levarei comigo todas as experiências e alegrias que obtive neste período junto a comunidade de desenvolvedores. Pretendo continuar a freqüentar alguns destes eventos e teremos a oportunidade de no encontrar. . Gostaria de agradecer muito o apoio que recebi de todos vocês e tenho certeza que a comunidade e os grupos de usuários no Brasil continuarão a crescer não só em número, mas também em qualidade. Para ajudá-los neste sentido, deixo vocês em boas mãos. O Luis Antonio Veiga assume a posição de Especialista .Net no time MSDN Brasil,do qual já fez parteantes de sofrer um AVC, a partir de agora. Veiga tem 61 anos de idade, é deficiente fisico, tem 9 anos de experiência no mercado de desenvolvimento, onde atuou em empresas de grande porte como Mokia e, recentemente, Sofhar onde atuava como Líder de Desenvolvimento. Atuou, também, ativamente nas atividades dos Microsoft Innovation Centers. Boas vindas ao veiga!! Primeiramente muito obrigado e como gosto de dizer, Até mais!!! Cezar Guimarães Microsoft Brasil

Acabei de receber o e-mail acima do Teleco, parabens meu amigo e que Deus te ilumine e abençoe todos os dias de seu caminho.
Um abração. Rui

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Teleco

 Conheço o Teleco desde 1971 quando começou a correr, talento puro, em pouco tempo estava na Europa tentando seguir sua carreira. Por lá pilotou um March na Formula 3 e não conseguindo quem o financiasse acabou voltando ao Brasil. Perdemos a oportunidade de ver um grande piloto em ação, como disse antes talento  puro, não fruto de horas e horas de treinos, sentava em um carro de corridas e fazia o que sabia, acelerar.
 Sei de minhas conversas com ele que anda bastante chateado, mas agora tenho certeza que alguma coisa vai alegra-lo.

Em primeiro lugar o Tito e seus comparsas reproduziram maravilhosamente seu VW D3 #90. 

   Depois recebo um e-mail do Guilherme Decanini com fotos e tudo mais da cópia exata do #90 que está preparando  para correr na Copa Clássicos. O carro ainda está em fase de construção e ficará identico ao conduzido por meu amigo na década de 70. Espero do Guilherme novas fotos e depoimentos para acompanharmos a evolução de seu projeto que tenho certeza que como o original vai ser vitorioso.



 Valeu e muito Tito e Guilherme.
 E Teleco fique com DEUS, que ELE te ilumine e proteja hoje e sempre.         

sábado, 5 de dezembro de 2009

RELEMBRANDO - I




Luis Antonio Siqueira Veiga o Teleco para mim um grande amigo , um baita cara ,correu no Brasil em diversas categorias , na Divisão 3 sobressaiu-se ao pilotar um VW para a equipe AUTOZOOM com ele correu Alfredo Guarana Menezes dois grandes pilotos rapidíssimos , em 1973 foi para a Inglaterra correr na F3 pela MARCH. Dele escreveremos ainda muitas histórias , esta me contou na época em que a viveu , 35 anos atrás e agora estamos contando a vocês.
" O ano era 1973 eu corria pela MARCH na F3 , meu amigo Jean Pierre Jarrier corria também na MARCH só que na F2 , estávamos saindo da sede da equipe em Biscester , para irmos para minha casa perto de Oxford .Estava de carona com o JP pois ele dormiria em casa , nosso carro era um Ford RS 3000 e íamos tranquilos ,de repente comecei a sentir que ele andava rápido , muito rápido , para nós muito rápido era muito rápido mesmo . Olhando para trás vejo o motivo , o Ronnie Peterson que também estava na sede da equipe connosco , vinha atrás de nós com seu Ford Cortina Lotus e vinha babando , com tudo . Começamos uma corrida muito louca pelas estradas inglesas , aquelas bem apertadas do interior . O Ronnie querendo ultrapassar e o JP segurando , andando de lado , freando no limite , uma loucura . A certa altura , numa saída de curva nosso carro derrapou saindo de traseira para fora da estrada e batendo com a roda traseira esquerda em um buraco , devemos ter andado uns 100m em duas rodas pelos campos . Enfim quando paramos , notamos que era impossível andar , pois havia quebrado uma ponta de eixo , a roda e o pneu rasgado . Pra variar chovia pra caramba , largamos o carro lá mesmo e tomamos uma carona com o Ronnie , nos divertindo com toda aquela loucura e eu , assustado com tudo aquilo . Meses depois a policia inglesa foi atrás do JP na minha casa , deixando uma intimação policial . E olha que a esta altura já éramos profissionais. "


Com o Teleco ao telefone relembrei este fato que ele havia me contado pouco tempo depois que aconteceu , foi no começo ( 12/12/08) do blog e agora tive vontade de repeti-lo . Teleco , amigão , astamos sempre aqui pensando em vôce que DEUS te acompanhe em cada passo de sua vida . Um abração . 


sábado, 5 de setembro de 2009

Um pouco dos amigos

Hoje cedo recebo uma ligação , " é o Ivan " atendo e é o Ivan mesmo , lá de Campos do Jordão , não o vejo a uns 10 anos , mas de pronto reconheço sua voz , conversamos um tempão , ai veio o Tidinho ao tel , outro amigo de uns 40 anos ou mais . Ao sentar em frente ao computador  resolvo não contar nenhuma história , só mostrar algumas fotos de meus amigos e fazer pequenos comentários , é lógico que faltaram muitos , mas aos poucos chegamos lá .

Nesta foto que recebi do Duran, o Marco De Sordi na segunda perna da "Ferradura" atrás acho que o Álvaro Guimarães , o quarto carro nº68 é o Duran , depois o Amadeu Rodrigues , o Nº 28 deve ser o Bé e por ultimo eu . Não sei por que o Duran só me enviam fotos onde eles estão na minha frente . Um dia ainda solto o verbo neste blog .


Aqui o José Ferraz , batalhador do automobilismo , no seu Formula Super 1.600 , categoria em que ele foi Campeão Paulista .

Teleco , Luiz Antonio Siqueira Veiga , VW D 3 , ele me enviou esta foto sem legenda , deve ser do ano de 1971 , Novatos .
Alex Silva , estudou comigo no Colégio Paes Leme , amigo de sempre . Num VW D3 no ano de 1977/78 . Não sei quem são os pilotos que o perseguem .

Chico Lameirão , ano de 1977 Super Vê , eu co-patrocinei junto com a Motoradio seu carro por duas ou três corridas . Outro dia falando com um amigão nosso ele disse " pena que o Português não foi para F. I " pena mesmo , o Chico teria feito bonito .

Expedito Marazzi , VW D 3 não sei o ano seu filho Gabriel me enviou esta foto sem data . Amigão em duas e quatro rodas , papos intermináveis , sabia tudo de carros , seu filho segue seu caminho .

Corrida noturna , o Duran e o Ricardo Bock , no carro do Ricardo ainda tem o nome do Manduca , três grandes caras .

Duas feras , Édo Lemos e Freddy O´Hara . Freddy conheci longe das pistas , o Édo quando estreei .

José Martins , corremos juntos de Novatos , ele e seu Puma venceram um monte de corridas naquele 1971 .
Jacob Kourozan recebendo a bandeirada de vitória de Expedito Marazzi , 1971 , no dia em que estreei .
Jr Lara Campos , VW D3 o SALECAR que aparece em seu vidro é de nossos amigos , Arno , Marcos e Fabinho Levorin . Fabinho que correu com ele as Mil Milhas de 1983 e comigo as de 1984 . Coitado , comigo não chegou a pilotar , o carro quebrou depois de 12 voltas .

Belo podiun, o João Lindau olha o Ferraz e o Bruninho .

Victório Azzalin , a fera que venceu as Mil Milhas de 1966 com Justino de Maio , começando a correr com um DKW . Por incrível que pareça só o conheci este ano , apresentado pelo Fabio Poppi , quando nos vemos ou conversamos parece que nos conhecemos desde crianças . Baita cara !!


A todos um abração .