A VERDADE NÃO SERIA BASTANTE PLAUSÍVEL SE FOSSE FICÇÃO - Richard Bach
Mostrando postagens com marcador Masten Gregiry. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Masten Gregiry. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 20 de julho de 2016

24 Heures du Mans 1965

Foram seis vitórias consecutivas da casa do Vecchio Comendador em Mans, desde 1960 até a vitória na corrida de 1965 quando pilotando a bela 250 LM da NART  Masten Gregory, Jochen Rindt e Ed Hugus venceram.

 Rindt então com 23 anos comemora a vitória ao lado da equipe e companheiros.
Ed Hugus

Valeu André e Clovis! 

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

FERRARI 275 LM








David Piper em Oulton Park 1966.

Peter Revson e George Drumond em Sneterton 1966.

David Piper em Goodwood 1966.

David Piper em Crystal Palace atrás um Chevron GT.


Ferrari 275LM, desde que ganhei uma de autorama da Revel me apaixonei, vermelha simplesmente linda. Devia ser o ano de 1964 e começava a gostar e muito de automobilismo e lia e relia as matérias com meus ídolos e carros preferidos, as fotos P&B são de revistas Motrsport que guardo desde aquela época. Lançada no Paris Motor Show no ano de 1963 sua denominação oficial era Ferrari 250 LM Pininfarina Stradale Speciale e logo ganhou o mundo e inúmeras corridas.


CHASSI: Tubular com seções em alumínio.

                 Suspenções dianteira e treaseira com braços triangulares e barra estabilizadora.

                 Freios a disco Dunlop, trazeiros on board.

                 Cambio de cinco marchas.

Dimenções: Comprimento 4.270 mm.

                     Largura 1.700mm.

                     Altura 1.1500mm.

                     Peso 850 kg.

Motor: V12 a 60°-3.286cc-77mm X 58.8mm

             Taxa de compressão 9.7:1

             Duas válvulas por cilindro.

             Alimentação seis carburadores Weber 38 DNC.

             320 hp a 7.500 rpm 97 hp por litro.

 
Velocidade máxima: 295 km/h - 0 a 100km/h 6.1s.


Em 1965 apesar de todo poderio da Ford com seus GT 40 MK II que fizeram com Phil Hill a pole e melhor volta da corrida e das Ferrari 330 P2 oficiais, foi uma 275 LM da NART – Nort American Racing Team- a vencedora das 24 Horas de Le Mans, pilotadas com maestria por Jochen Rindt e Masten Gregory, chegando outra 275 LM de uma equipe francesa em segundo lugar.



                                                                                  
                   
                                                                                                                                                                                   

NT: As fotos preto e branco são de uma coleção da revista MOTOSPORT DE 1966.
        As coloridas são de Woulter Melissen.