A VERDADE NÃO SERIA BASTANTE PLAUSÍVEL SE FOSSE FICÇÃO - Richard Bach
Mostrando postagens com marcador Luigi Fagioli. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Luigi Fagioli. Mostrar todas as postagens

sábado, 28 de abril de 2012

1950

GP da França, Reims, na pole Fangio #6, a seu lado Farina #2 e Fagioli #4.
Na segunda fila os Talbot de Etancelin #16, Giroud-Cabantous #18. Na terceira a Talbot de Rosier e as Maserati de Rol e Pepe Gonzalez.  
Fagioli, Fangio e Farina.

O primeiro  campeão do mundo.
 Nino em Silverstone
Nino
Fangio 
Fagioli

Finda a 2ª Guerra voltaram as corridas de Grand Prix, para o ano de 1950 a CSI órgão responsável pelo esporte motor resolve estabelecer um novo campeonato, seria o 1º Campeonato do Mundo de Pilotos, e a categoria passaria a ser chamada de Formula Um, pelo regulamento seriam usados os carros que corriam na categoria Gran Prix.
A 1ª corrida do novo Campeonato foi no aeródromo de Silverstone na Inglaterra, este mesmo Silverstone que agora desvirtuado por chicanes o Sr Eclestone quer tirar do calendário da F.I .
No 1º ano as três principais concorrentes eram equipes que já venciam corridas Grand Prix, a Alfa Romeo, Maserati e Ferrari. Auto Union já não existia e a Mercedes Bens não tinha condições de competir.

Nino Farina


Giuseppe "Nino" Farina
Em 1950 Nino já estava com 43 anos, e iria competir pela Alfa Romeo, equipe que havia abandonado alguns anos antes e que tantas glórias juntos conquistaram. Tinha como companheiros de equipe Luigi Fagioli, e a estrela ascendente o Argentino Juan Manuel Fangio. Farina Doutor em Direito e pilotagem tinha como seu grande incentivador e mentor Tázio Nuvolari, que viveu para ver seu pupilo ser Campeão do Mundo.
Farina vence a 1ª corrida do novo campeonato tendo Fagioli em 2º, venceu novamente na Suíça, seu companheiro de equipe Fangio vence Mônaco , Bélgica e França voltando Farina a vencer em Monza no GP da Italia , tornando-se assim o 1º Campeão do Mundo de Formula Um .
Escrevendo fico imaginando a alegria dos "tifosi", numa época em que a Alfa Romeo era a alegria dos Italianos.

Caranguejo e Rui




quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Giuseppe Farina - O PRIMEIRO CAMPEÃO DO MUNDO DE FORMULA UM

Nino Farina Campeão do Mundo 1950
Nino Farina com a Alfa Romeo rumo a vitória . 1ª corrida do novo campeonato Silverstone

Luigi Fagioli seu companheiro de equipe e 2º colocado em Silverstone 1950

Como seu mentor Tazio Nuvolari sua tocada era elegante


Finda a 2ª Guerra voltaram as corridas de Grand Prix , para o ano de 1950 a CSI órgão responsável pelo esporte motor resolve estabelecer um novo campeonato , seria o 1º Campeonato do Mundo de Pilotos , e a categoria passaria a ser chamada de Formula Um . Pelo regulamento seriam usados os carros que corriam na categoria Gran Prix .
A 1ª corrida do novo Campeonato foi no aeródromo de Silverstone na Inglaterra , este mesmo Silverstone que agora desvirtuado por chicanes o Sr Eclestone quer tirar do calendário da F.I .
No 1º ano as três principais concorrentes eram equipes que já venciam corridas Grand Prix , a Alfa Romeo , Maserati , e Ferrari . Auto Union já não existia e a Mercedes Bens não tinha condições de competir .
Giuseppe "Nino" Farina
Em 1950 Nino já estava com 40 anos e iria competir pela Alfa Romeo , equipe que havia abandonado alguns anos antes e que tantas glórias juntos conquistaram . Tinha como companheiros de equipe Luigi Fagioli e a estrela ascendente o Argentino Juan Manuel Fangio . Farina Doutor em Direito e pilotagem tinha como seu grande incentivador e mentor Tázio Nuvolare , que viveu para ver seu pupilo ser Campeão do Mundo .
Farina vence a 1ª corrida do novo campeonato tendo Fagioli em 2º , venceu novamente na Suíça , seu companheiro de equipe Fangio vence Mônaco , Bélgica e França voltando Farina a vencer em Monza no GP da Italia , tornando-se assim o 1º Campeão do Mundo de Formula Um .
Escrevendo fico imaginando a alegria dos "tifosi" numa época em que a Alfa Romeo era a alegria dos Italianos .