A VERDADE NÃO SERIA BASTANTE PLAUSÍVEL SE FOSSE FICÇÃO - Richard Bach
Mostrando postagens com marcador II Torneio Internacional de Formula II Interlagos. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador II Torneio Internacional de Formula II Interlagos. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

II Torneio Internacional de F2 - Interlagos 1972


 Emerson com a Lotus 69 à frente de Mike Hailwood e Carlos Pace, ambos de Surtees TS 15
Carlos Pace




 #3 Carlos Pace na pole, #16 Henri Pescarolo, #15 Tim Schenken, #2 Mike Hailwood 


Final do ano de 1972, finalmente tínhamos um campeão do mundo na Formula Um, e o segundo torneio da Formula 2 chegava à Interlagos, seriam seis corridas, três em Interlagos, uma no Tarumã e duas  na Argentina, uma em Córdoba e a outra em Buenos Aires, apenas as corridas de Interlagos foram realizadas.
Grande parte dos pilotos que disputavam a F2 e alguns grandes nomes da F I estavam presentes, a começar por Emerson o campeão do mundo. Carlos Pace, Clay Regazzoni, Mike Hailwood, Ronnie Peterson, Wilson Fittipaldi Jr, Tim Schenken, Andrea de Adamich, David Purley, Henri Pescarolo, Jean-Pierre Jaussaud e alguns pilotos brasileiros entre eles Luiz Pereira Bueno, Pedro Victor de Lamare, Silvio Montenegro.
Na 1ª corrida em 29 de Outubro, a pole foi de Wilsinho Fittipaldi com o tempo de 2.42, 40/100. Na primeira bateria a vitória foi de Emerson, na segunda de Tim Schenken quando fez a melhor volta com 2.40 cravados, tendo Emerson ficado com a vitória na soma dos tempos por 1s 58/100.
Na 2º corrida, em 5 de Novembro a pole foi de Pace e ele com o novo e super Surtees TS15 Ford-Hart dominou as duas baterias tendo na primeira Emerson em segundo mais de 12s atrás, na segunda bateria Mike “The Bike” Hailwood com o mesmo TS15 chegou 5s atrás.

Wilson Fittipaldi
 Pescarolo e Hailwood
 Ferradura, Andrea de Adamich, Hailwood o argentino Carlos Reusch de Surtees TS 10, Clay...  
 Wilsinho, Schenken, Peterson e Hailwood
 Clay, March 722 e Ronnie 
 Wilsinho, Schenken, Hailwood e Ronnie Peterson de Brabham BT38 
 Emerson e Schenken
Pace
Silvio Montenegro, agachado Giba Magalhães, o cabeludo acredito ser Jozil Garcia, à direita de prancheta na mão Edson Yoshikuma e ao seu lado Robertinho da Autozoom.


A 3ª corrida em 12 de Novembro, teve a pole de Carlos Pace com o tempo de 1.39, 12/100. Na primeira bateria problemas com Pace que terminou apenas em 16º lugar, a vitória foi de Henri Pescarolo com um Brabham BT38-BDA seguido de Hailwood e Emerson. Na segunda bateria o que vi, foi um verdadeiro show de um campeão, Carlos Pace vindo lá de trás pulverizava à cada volta o recorde da categoria para Interlagos, para no fim, se aproveitando também da quebra de Emerson e Pescarolo, vencer com mais de 3s 50/100 sobre seu companheiro de equipe Mike Hailwood, a melhor volta de Pace 2.37 90/100, quase dois segundos melhor que a pole.
No Torneio a vitória foi de Emerson, e foram grandes corridas, estava lá e vi, posso me perder nos detalhes, mas deixo uma pergunta à todos: Quando veremos novamente pilotos brasileiros, independente se primeiros pilotos de suas equipes ou não, lutarem bravamente nas pistas do mundo?
Esses eu vi!  


RESULTADOS

29 de Outubro


5 de Novembro


12 de Novembro





Novembro de 1972